sábado, 11 de julio de 2015

"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro - LGBT Estreno - Francisco Huertas Hernández





"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014)
Daniel Ribeiro



"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro





 ""Hoje Eu Quero Voltar Sozinho" (en español, "Hoy quiero volver solo"), llamada "A primera vista" en España, es una película brasileña escrita y dirigida por Daniel Ribeiro que se estrenó el 10 de abril de 2014.


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
Trailer


 
"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro



 Fue protagonizada por Ghilherme Lobo, Fabio Audi y Tess Amorim, quienes volvieron a interpretar sus mismos papeles de "Eu Não Quero Voltar Sozinho" ("Hoy no quiero volver solo"), corto de 2010, también escrito y dirigido por Ribeiro, en el cual está basado la película.


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
Premios cosechados por todo el mundo



 Se presentó en el Festival Internacional de Cine de Berlín de 2014, donde obtuvo el galardón a la Mejor Película por la Federación Internacional de Críticos de Cine (FIPRESCI) y el Teddy Award por Mejor Película con temática o personajes LGBT; también se presentó en el Festival Internacional de Cine en Guadalajara donde obtuvo el Premio del Público en Infinitum por mejor película.


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
Premios


 
 En junio de 2014 se presentó en el Festival Internacional de Cine LGBT de San Francisco donde recibió el Frameline38 AT&T Audience Award por Mejor Película y en el Festival de Cine Peace & Love de Suecia donde se llevó los premios a Mejor Película, tanto el que entregó el jurado como el que entregó la audiencia. El 18 de septiembre de 2014 se confirmó que la película fue seleccionada por el Ministerio de Cultura de Brasil para que participara como posible candidata de dicho país en la categoría de "Mejor Película Extranjera" en los Premios Oscar" (Wikipedia)


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
"A primera vista"
Estreno: "Palacio de la Prensa". Madrid (España)
7 de julio de 2015




Hoje eu quero voltar sozinho (The Way He Looks)
2014
97 min.
Brasil 

Director: 
Daniel Ribeiro


Daniel Ribeiro


Guión: 
Daniel Ribeiro

Fotografía: 
Pierre de Kerchove


Pierre de Kerchove


Intérpretes:
Ghilherme Lobo, Fabio Audi, Tess Amorim, Selma Egrei, Eucir de Souza, Naruna Costa, Júlio Machado, Isabela Guasco, Lúcia Romano, Victor Filgueiras


Fabio Audi, Ghilherme Lobo, Tess Amorim y el director Daniel Ribeiro
"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
Elenco no Festival de Berlim
10 fevereiro 2014



Productora: Lacuna Filmes

Género: 
Drama. Romance | Adolescencia. Discapacidad. Homosexualidad

Fabio Audi, Tess Amorim, Ghilherme Lobo y el director Daniel Ribeiro
"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro





Sinopse:

"A história gira em torno de Leonardo (Ghilherme Lobo), um estudante do ensino médio cego lutando por independência. No início do filme, ele e sua melhor amiga Giovanna (Tess Amorim) estão discutindo o fato de ambos nunca terem beijado ninguém. Léo está especialmente angustiado porque ele quer que seu primeiro beijo seja especial, mas não acredita que alguém queira beijá-lo. Quando o dia termina, Giovanna guia Léo até a casa dele, com o garoto segurando o braço dela. Ela abre a porta — algo que faz regularmente, apesar de sua casa ficar duas quadras na direção oposta. Léo chega em casa e sua mãe expressa preocupação com sua pele queimada pelo sol, questionando também a ideia de deixar o rapaz sozinho em casa enquanto os dois pais estão fora. Léo insiste que ele vai ficar bem, e sua mãe concorda, sob certas condições. Léo e Giovanna voltam à escola depois das férias de verão e seu colega de classe Fábio (Pedro Carvalho) faz piada com o som alto que a máquina de escrever de Léo faz. Quando sua professora pede a Fábio para sentar-se na carteira vazia atrás de Léo, Fábio se recusa, argumentando que ele terá que ajudar Léo constantemente enquanto ficar lá. Então, um novo aluno chamado Gabriel (Fábio Audi) chega e toma o lugar vazio atrás de Léo.
 Giovanna manifesta interesse em Gabriel rapidamente, mas fica consternada quando Karina, que flerta com todos, começa a persegui-lo. Léo e Giovanna aproximam-se de Gabriel e ele se junta aos par em sua jornada a pé para casa. Um dia, Léo caminha da escola para casa sozinho com uma bengala, e Fábio e seus amigos zombam dele, fazendo movimentos em torno de sua cabeça, que Léo não pode ver. Ele tropeça e cai, mas logo se levanta e rapidamente os deixa, zangado. Ele chega em casa muito mais tarde do que é habitual, e seus pais estão muito preocupados. Leonardo expressa sua irritação com a natureza superprotetora de ambos, explicando que ele não quer ser tratado de forma diferente por causa de sua deficiência. Mais tarde, Léo expressa seu interesse em estudar no exterior para Giovanna, de modo a deixar para trás o tipo vida que leva em sua casa. Os jovens vão a uma agência de intercâmbio para obter mais informações, mas primeiro a agente deve falar com seus responsáveis legais (com os quais Léo não falou sobre seu interesse em ir para outro país). Léo e Gabriel vão na casa de Giovanna e, quando é hora de ir embora, Gabriel insiste em levar Léo de volta, visando facilitar as coisas para a garota. Ela está relutante e visivelmente chateada, mas concorda. Em outro dia, um projeto na escola requer pares do mesmo sexo, e, desta forma, os rapazes formam dupla, em detrimento de Giovanna. Depois, os dois vão almoçar juntos, e Gabriel se sente envergonhado por fazer perguntas sobre vídeos da internet e idas ao cinema, coisas que Léo não pode fazer por causa de sua cegueira. Entretanto, Leonardo manifesta interesse nisso e ambos vão ver um filme, com Gabriel sussurrando os acontecimentos ao outro o tempo todo. Enquanto trabalham no projeto, alguns dias depois, Léo tenta ensinar Braille ao mas Gabriel, que acha que é impossível aprender.


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro
Leonardo (Ghilherme Lobo)




 Os meninos fogem numa noite para assistir a um eclipse lunar, e Gabriel tenta explicar como o fenômeno funciona, usando pedras em sua explanação. No caminho para casa, Gabriel percebe que deixou seu casaco na casa do amigo e pede que ele o traga no dia seguinte. Léo concorda; entretanto, naquela noite, ele cheira a peça de roupa e a coloca em si mesmo antes de dormir. A agência de intercâmbio liga para Léo falando de uma agência norte-americana especializada em alunos cegos, mas eles ainda precisam da aprovação dos pais do estudante. Léo mente, dizendo que seus pais estão viajando. Gabriel fica substituindo Giovanna como guia até a casa de Léo, e ela fica com raiva quando, um dia, eles vão para casa sem ela. Os rapazes a esperam no dia seguinte, mas ela finge que não os vê. Leonardo finalmente confessa seu interesse de viajar ao exterior para seus pais e eles desaprovam tal ato, em caráter definitivo. Pouco depois, a sós, o pai aborda Léo, questionando os reais motivos desta viagem, e os dois se entendem. Em outro dia, os três amigos vão para uma festa na casa de Karina. Giovanna evita Léo, ainda com raiva dele, e fica bêbada com Gabriel, confessando que ela sente que foi substituída na vida de Léo e que o garoto não iria mais sentir sua falta se ele fosse para o exterior — assunto de que Gabriel ainda não sabia nada. Giovanna beija Gabriel, mas ele não retribui. Enquanto isso, Léo relutantemente se une a um jogo de girar a garrafa. Quando esta aponta para Léo, Fábio rapidamente agarra o cão de Karina para tentar fazer Léo beijar o animal ao invés de uma pessoa de verdade. Giovanna arrasta Léo para fora da festa antes que aconteça alguma coisa e ele, sem saber de nada, fica irritado isso. Giovanna se enfurece e vai embora. Em seguida, Gabriel insiste para levar Léo em casa, mas Léo explode de raiva, dizendo que ninguém quer deixá-lo beijar alguém. Diante disso, Gabriel o beija e sai rapidamente.
A escola vai em uma viagem de acampamento, e Léo senta-se sozinho no ônibus, uma vez que Gabriel está ao lado de Karina. Gabriel se aproxima de Léo no parque do acampamento e admite que estava tão bêbado que não se lembra de nada da festa de Karina, incluindo o beijo, que Léo não cita. Naquela noite, Giovanna e Léo se reentendem, e eles ficam bêbados juntos. Leonardo acaba admitindo que está apaixonado por Gabriel. A garota demonstra-se cética no início, mas depois lhe dá apoio quando eles retornam da excursão. Gabriel visita Léo em sua casa, e quando Leonardo pergunta se ele ficou com Karina, Gabriel admite que ela tentou, mas que ele recusou por já gostar de outra pessoa. Ele também confessa que está apaixonado por Léo e que, na verdade, se lembra do beijo depois da festa, mas que tem dúvidas sobre a reação de Léo a estes sentimentos. Leonardo responde beijando Gabriel. Algum tempo depois, os dois apresentam o seu projeto escolar e vão para casa com Giovanna, Léo de braço dado com Gabriel. Fábio e seus amigos zombam da aparência homossexual do relacionamento dos garotos, não sabendo a verdade, e Léo muda de posição para que ficar de mãos dadas com Gabriel — o que gera tanto choque quanto desapontamento nos amigos de Fábio. A cena final do filme é Léo andando de bicicleta com Gabriel empoleirado na roda traseira, ajudando-o." (Wikipedia)


"Hoje eu quero voltar sozinho" (2014). Daniel Ribeiro




Publicar un comentario